Minha dieta atual Parte I (sem adaptações). - Valor Em Casa | Blog de cotidiano | Ellen Camargo

Minha dieta atual Parte I (sem adaptações).

Praticar exercício é dar um passo à frente, mas uma má dieta é dar dois passos para trás!Você não pode competir com o que come.”
Essa é uma realidade, cuidar da alimentação é tão importante quanto cuidar da aparência ou do corpo. Por isso, uma dieta equilibrada e personalizada pode te ajudar a chegar ao seu objetivo. Como prometi, esta é minha dieta atual indicada pela Nutricionista, a doutora
Fabiana Guimarães (CRM 324676) analisada conforme meus horários e gosto. É claro que você pode usá-la como exemplo, mas, repito, é sempre bom ter um acompanhamento personalizado.
Adaptei algumas coisas, como por exemplo o leite de vaca foi substituído pelo leite de arroz que não tem lactose, como vocês sabem a lactose é prejudicial para o adulto, mas falaremos disso outra hora. Essa é exatamente a dieta que a Nutri me passou, sem as adaptações. Além de algumas orientações nutricionais que são de extrema importância.  
PLANO ALIMENTAR
6:30
DESJEJUM

01 xícara de leite de cereais
1 fruta
½ xícara de cereal integral
1 fatia de pão integral com queijo branco (cottage ou ricota).

9:30
LANCHE

01 fruta
1 pires de grãos (castanha ou amendoim ou amêndoas ou pistage etc)
13:00
ALMOÇO

Salada
01 prato variado de legumes
04 colheres de sopa de arroz integral
01 concha de feijão
01  porção de carne magra (sem fritura, de preferencia branca)

16:30
LANCHE

01 fruta

19:30
JANTAR

02 fatias de pão integral
Salada
Proteína: ovo, atum, queijo, grelhado, carpaccio.

22:30
CEIA

01 xícara de sopa de legumes



ORIENTAÇÕES NUTRICIONAIS
- Fracione as refeições, se alimentando de 3 em 3 horas;
- Equilibre todos os grupos alimentares (proteína, carboidrato, gordura e reguladores) na sua dieta;
- Ingira de 6 a 8 copos de água por dia;
- Leia os rótulos dos alimentos;
- Mastigue lentamente;
- Atenção ao consumo de doces, açucares, derivados de farinha, carboidratos simples;
- Faça uma lista de compras antes de ir ao supermercado;
- Evite alimentos e preparações gordurosas e calóricas;
- Utilize azeite extra virgem para temperos de salada, para cozinhar prefira, óleos de semente como girassol e canola;
- Receita Mix Cereais: Misturar na mesma quantidade: granola light, aveia, linhaça, castanha-do-pará, nozes, farinha de soja, gergelim, farinha de tapioca.
- Sal de ervas: Misture na mesma proporção: sal ou gersal, alecrim, manjericão e orégano, todos desidratados. Bata na centrífuga ou no mix. Coloque em um pote e armazene em local fresco e seco. Utilize para cozinhar e temperar saladas.
- Consumir frutas, verduras e legumes diariamente, assim como leite e derivados.
- Prefira cortes de carnes magros e carboidratos complexos (integrais);
- Use condimentos como: açafrão, orégano, alho, cebola, alecrim que possuem propriedades bioativas: melhor digestão.
- Pão: 1 ou 2 por dia;
- Laticínios: 3 porções por  dia.

Na segunda parte deste post, trago à vocês as adaptações que eu fiz e como estão sendo os resultados. 

" O segredo é a força de vontade."

É isso aí. Um super beijo e até mais. 







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi. Se você gostou dessa matéria, não deixe de opinar a respeito, aqui nós respeitamos a liberdade de expressão. Se faltou alguma informação, mande o seu conhecimento, assim podemos ajudar mais e mais pessoas. Obrigada pela visita!