A Síndrome do Choque Tóxico e o absorvente interno. - Blog de empreendedorismo materno | Valor Em Casa

4 de novembro de 2013

A Síndrome do Choque Tóxico e o absorvente interno.


Olá minhas queridas! Vocês costumam ler muito? 
Eu leio tudo, jornais, revistas antigas e novas, caixa de alimentos, bulas de remédios, panfletos dado no farol, tudo! E, acredite, não é perca de tempo, além de melhorar o seu vocabulário, você aprende muita coisa ou, no mínimo dá boas risadas - se for uma notícia política, a raiva é o principal sentimento, mas tudo bem. E foi assim que li sobre o assunto de hoje: a Síndrome do Choque Tóxico

Essa síndrome é causada por uma bactéria, que causa uma infecção muito rara, mas muito grave, que pode ocorrer em diferentes situações, em homens, mulheres e crianças, algumas vezes causando até a morte.
O mais impressionante é que, alguns casos foram associados ao uso de absorventes internos, particularmente quando estes são usados por tempo muito prolongado. Essa doença pode ser tratada, quando detectada rapidamente, e a maioria dos pacientes se recupera por completo. Os sintomas são são: 

  • febre alta (mais de 39ºC) de aparecimento súbito,
  • dores musculares,
  • vermelhidão na pele similar  uma queimadura solar,
  • enjôo,
  • vômitos,
  • diarréia,
  • dores de garganta e até
  • desmaios.
No caso de aparecerem esses sintomas durante seu período menstrual, interrompa o uso de absorventes internos e consulte seu ginecologista. 

Eu acredito, de verdade, que todas as mulheres saibam usar direitinho um absorvente interno, mas vale as dicas abaixo:

  1. Lave bem as mãos ANTES e depois de cada aplicação.
  2. Use o tampão de absorção mínima para o seu tipo de fluxo (ex: quando o fluxo estiver mais leve, utilize um mini).
  3. Não utilize absorventes internos fora de seu período menstrual (a não ser por orientação médica e por pouco tempo).
  4. Nunca utilize mais de um absorvente por vez.
  5. Independentemente da ocasião de uso(dia ou noite), troque o seu absorvente em até 8 horas de acordo com o seu fluxo.
  6. No caso de uso noturno,  coloque um novo tampão antes de dormir e troque-o assim que acordar.
  7. Prefira os absorventes que já vêm com aplicador. Além de mais higiênico, facilita a aplicação. 
E é assim, meninas, que com pequenos gestos evitamos um problema tão grande. Ah! E eu descobri tudo isso lendo o panfleto que vem na caixinha de absorvente da Intimus. Então da próxima vez, leia todas as instruções antes de usar qualquer coisa, pois elas estão lá para nos orientar. 
Um beijo e até a próxima.






Ei, psiu!  Deixe seu comentário aqui embaixo.


2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Incrível como aprendemos muito quando lemos coisas que, em geral as pessoas costumas desprezar. Você já aprendeu alguma coisa assim? Não deixe de compartilhar comigo essas informações. Beijinhos

    ResponderExcluir

Aeh! Vai sair sem comentar? Que feeeio! Faz uma pergunta ou deixa um recadinho aqui pra gente. Depois, dá uma voltinha pelo blog, tem uma par de coisas legais pra você ler e assistir. Beijos na bochecha.