Os perigos do 'efeito sanfona'. - Valor Em Casa | Blog de cotidiano | Ellen Camargo

Os perigos do 'efeito sanfona'.

Para quem não sabe, o chamado ‘efeito sanfona’ é quando a pessoa emagrece uma determinada quantidade de peso e em seguida engorda novamente a mesma quantidade ou até mais.
Além da parte estética, existem outros problemas que esse efeito acarreta ao nosso organismo, ocasionados pela obesidade, tais como:

- Depressão
- Diminuição da auto-estima
- Cansaço
Apneia do sono
- Ronco provocado pelo acúmulo de gordura na faringe
- Hipertensão
- Enfarte (insuficiência coronária)
- Derrame
- Varizes
Hemorroidas
- Cálculo na vesícula
- Cirrose hepática provocada por acúmulo de gordura no fígado
- Refluxo esofágico
- Tumores no intestino e na vesícula
- Aumento do mau colesterol
- Artrite
- Artrose

Na questão estética, os problemas atingem principalmente a pele que fica flácida, surgem as celulites e mais tarde, estrias. Então, a pele acaba com aspecto envelhecido e feio. Sem contar que ficar ganhando e perdendo peso acaba com a autoestima de qualquer um. Assim, sentimentos como a tristeza e insegurança se tornam comuns. Depois de algum tempo, a pessoa tende a ficar desiludida, acreditando que nunca conseguirá permanecer magra, e que, portanto, deve deixar a saúde de lado.

Mas como ocorre o efeito sanfona?

No site Mais Equilíbrio, a doutora Roberta dos Santos Silva, nutricionista-chefe do programa Cyber Diet, formada pela Universidade Católica de Santos, explica como ocorre esse efeito, veja:

“As nossas células de gordura são formadas ainda na infância e quando se come muito e de forma desequilibrada, estas células incham, se dividem e aumentam. Elas não são perdidas quando engordamos, elas permanecem no nosso corpo.
O cérebro interpreta a eliminação de peso como uma ameaça à integridade do organismo e "queima" menos calorias, ou seja, o metabolismo se torna mais lento. É uma forma de preservação, para que o peso perdido possa voltar. É assim que ocorre o efeito sanfona.
Como o cérebro tende a manter o maior peso adquirido é preciso manter o mesmo peso por um tempo relevante para que o organismo se adapte a esse novo peso.
Para sair do efeito sanfona é importante deixar as dietas de lado e manter uma alimentação equilibrada para o resto da vida. As vantagens são inúmeras, desde que você mantenha a nutrição adequada das células, para que exerçam suas funções corretamente.

O lado ruim é que emagrecer com saúde leva mais tempo e requer maior disciplina e força de vontade já que o organismo precisa se adaptar à nova alimentação.
Alguns estudos relacionam o efeito sanfona com riscos para saúde, como as doenças citadas acima. Para evitá-las é fundamental ter bons hábitos alimentares e praticar atividade física regularmente. Assim, ocorre a manutenção do peso desejado, que se estende por toda a vida”.

Portanto, minha querida, está na hora de prestar mais atenção à sua ‘genética’ e cuidar desse engorda/emagrece contínuo. Assuma hábitos mais saudáveis e viva melhor. É o que eu recomendo.

Os famosos também sofrem com esse mal, separei para vocês algumas fotos de quem briga com a balança em Hollywood:










2 comentários:

  1. Estrias é o pior e graças a Deus estão começando a existir produtos para amenizar.. cicatricure é ÓTIMO! Você que já conhece meu Blog Morena Flor
    Venho convidá-la a conhecer o
    Blog Bag Glam

    Beijos
    Morena Flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Morena! Obrigada pela sua visita! A luta é mesmo constante. Ainda bem que contamos com a ajuda da tecnologia e da conscientização.
      Adorei o blog Morena Flor e o Bag Glam. Ambos são completos e arrojados. Conte com a minha indicação. Um beijo.

      Excluir

Oi. Se você gostou dessa matéria, não deixe de opinar a respeito, aqui nós respeitamos a liberdade de expressão. Se faltou alguma informação, mande o seu conhecimento, assim podemos ajudar mais e mais pessoas. Obrigada pela visita!